Consenho Nacional do Café
14.12 - RÁDIO CNC - Presidente do CNC participa do lançamento do Selo Agro Mais Integridade 14.12 - RÁDIO CNC - Presidente do CNC critica PL nº 3.562/2016 da ALMG 08.12 - CNC - Balanço Semanal de 04 a 08/12/2017 05.12 - Jornalistas são premiados por reportagens sobre café 1º.12 - Conheça os vencedores do Prêmio Café Brasil de Jornalismo – 2017 1º.12 - CNC - Balanço Semanal de 27/11 a 1º/12/2017 24.11 - CNC - Balanço Semanal de 20 a 24/11/2017 21.11 - Expocaccer lança 16ª edição da Campanha Natal Feliz 17.11 - CNC - Balanço Semanal de 13 a 17/11/2017 14.11 - Federação premia melhores cafés do V Prêmio Região do Cerrado Mineiro 10.11 - CNC - Balanço Semanal de 06 a 10/11/2017 03.11 - CNC - Balanço Semanal de 30/10 a 03/11/2017 27.10 - COMUNICADO da Assessoria de Comunicação do CNC 27.10 - CNC - Balanço Semanal de 23 a 27/10/2017 25.10 - Cadeia produtiva lança material sobre manejo integrado da broca do café 25.10 - Café: Cooxupé informa que potencial da safra 2018 está comprometido 25.10 - Expocaccer e Dulcerrado participam da Semana Internacional do Café 25.10 - Cocatrel lança edição limitada de café especial na SIC 2017 23.10 - Produtores de Patrocínio (MG) e Domingos Martins (ES) vencem o Cup of Excellence - Brazil 2017 23.10 - Mantiqueira, Matas e Sul de MG: regiões vencem o 25º Concurso Qualidade Minasul
Notícias - Pautas CNC

CNC - Balanço Semanal de 13 a 17/11/2017
P1 / Ascom CNC
17/11/2017

 

BALANÇO SEMANAL — 13 a 17/11/2017

 

Cerimônia de premiação do Prêmio Café Brasil ocorrerá em 5 de dezembro; no mesmo dia, CNC realiza reunião para planejar ações de 2018

 

 

PRÊMIO CAFÉ BRASIL — A cerimônia de premiação do Prêmio Café Brasil de Jornalismo – 2017 será realizada no dia 5 de dezembro, na Casa do Cooperativismo, a sede da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), em Brasília (DF), a partir das 20h. A data foi definida esta semana por Conselho Nacional do Café (CNC), Cooperativa dos Cafeicultores da Zona de Varginha (Minasul) e OCB, entidades organizadoras do evento.

 

Com o tema “A Importância das Cooperativas na Sustentabilidade da Cafeicultura Brasileira no Campo”, o Prêmio recebeu 57 materiais – inscritos e validados pela banca examinadora –, que são originários das cinco regiões (Sudeste, Sul, Nordeste, Norte e Centro-Oeste) do País e estão distribuídos em quatro categorias: TV, Rádio, Impresso e Internet.

 

O Prêmio Café Brasil de Jornalismo – 2017 é realizado pelo CNC, pela OCB, pela cooperativa Minasul e conta com apoio institucional da Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (ABERT).

 

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO CNC — Também no dia 5 de dezembro, o CNC realizará reunião do Conselho Diretor, que terá como objetivo planejar as ações da entidade no ano de 2018.

 

É fundamental que nossos associados se façam presentes, uma vez que contaremos com a apresentação das propostas de orçamento para a elaboração do planejamento estratégico para o ano que vem.

 

Dessa forma, é vital que nossos conselheiros diretores analisem os materiais apresentados por essas empresas e façam a definição por conteúdo e valores que melhor se adaptem à definição do planejamento estratégico do CNC.

 

CAFÉ EM RONDÔNIA

O presidente executivo do CNC, deputado Silas Brasileiro, acompanhou o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, em visita ao município de Alta Floresta, em Rondônia, para conferir o potencial do estado como produtor de café. Eles participaram de debates sobre o setor e também visitaram produtores. A missão contou, ainda, com a participação de parlamentares e do presidente da Embrapa, Maurício Lopes.

 

Foi interessante e impressionante observar o que vem sendo feito em Rondônia, que ocupa a quinta posição no ranking da produção cafeeira no Brasil, totalizando uma safra de aproximadamente 2 milhões de sacas, com crescimento de 19% frente a 2016 devido ao aumento de produtividade ocorrido pela renovação do parque cafeeiro com a implantação de mudas clonais.

 

Destacamos, ainda, a importância da Embrapa nesses resultados alcançados em Rondônia, uma vez que a implantação de variedades desenvolvidas pela Empresa é a principal responsável pelo desempenho obtido. Alguns casos, por exemplo, apontam produtividade superior a 200 sacas por hectare.

 

MERCADO — Em movimento lateral, influenciado pelo comportamento do dólar e previsões de chuvas nas regiões produtoras do Brasil, os futuros do café arábica acumularam discreta queda nesta semana.

 

O último relatório da Comissão de Comércio de Futuros de Commodities (CFTC, na sigla em inglês) mostrou que os fundos de investimento que operam na Bolsa de Nova York carregavam, em 7 de novembro, volume recorde de posições vendidas: 49.399 lotes.

 

No Brasil, o dólar comercial foi cotado ontem a R$ 3,2797, sem variação significativa em relação à última sexta-feira. O câmbio segue influenciado pelo cenário político nacional e expectativas quanto à realização da reforma da previdência.

 

Em Nova York, o vencimento março de 2018 do contrato C encerrou a sessão de quinta-feira a US$ 1,3015, com desvalorização de 75 pontos ante o fechamento da semana anterior. Na ICE Futures Europe, o contrato janeiro/2018 do café robusta subiu US$ 29 e foi cotado a US$ 1.845 por tonelada.

 

No que se refere às condições climáticas que afetam o desenvolvimento da safra brasileira, a Climatempo informou que, de hoje a 21 de novembro, três frentes frias avançarão do Sul para o Sudeste do Brasil, estimulando o aumento das precipitações.

 

A Somar Meteorologia prevê que serão acumulados, até a próxima quarta-feira (22), 70 milímetros no Paraná, em São Paulo e no sul de Minas Gerais e até 50 mm na Zona da Mata e Cerrado Mineiro e, também, no sul do Espírito Santo.

 

No mercado físico nacional, a liquidez segue baixa, com vendedores retraídos, principalmente de café robusta. Os indicadores calculados pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) para as variedades arábica e conilon foram cotados a R$ 453,72/saca e a R$ 362,93/saca, com variações, respectivamente, de -0,1% e 2,1% frente ao fechamento da semana anterior.

 

 

Atenciosamente,

Silas Brasileiro

Presidente Executivo

NY - ICE US (US$ cents / lb-peso)
Contrato 13/12/17 14/12/17 Dif.
Dez/17 118,95 119,15 0,20
Mar/18 120,10 120,30 0,20
Mai/18 122,25 122,45 0,20
ICE Europe (US$ por tonelada)
Contrato 13/12/17 14/12/17 Dif.
Jan/18 1712 1743 31,00
Mar/18 1713 1740 27,00
Mai/18 1723 1747 24,00
SP - BM&FBovespa (US$/saca)
Contrato 13/12/17 14/12/17 Dif.
Dez/17 147,55 147,85 0,30
Mar/18 153,10 151,35 - 1,75
Set/18 150,65 151,00 0,35
CEPEA ESALQ/USP (R$ a vista)
Variedade 13/12/17 14/12/17 Dif.
Arábica 6 443,50 445,64 2,14
Robusta 6 358,00 359,05 1,05
Dólar Comercial
US$ 1 13/12/17 14/12/17 Dif.
R$ 3,3159 3,3365 0,02
CNC - Sede Brasília (DF)
SCN Qd. 01, Bloco C, nº 85, Ed. Brasília Trade Center - Sala 1.101
Brasília (DF) - CEP: 70711-902
Fone / Fax: (61) 3226-2269 / 3342-2610
E-mail: presidente@cncafe.com.br
CNC - Representação São Paulo (SP)
R. Treze de Maio, nº1558 - 6º andar
Bela vista, São Paulo (SP) - CEP: 01327-002
Fone: (11) 3284-6800 / Fax: (11) 3287-4600
E-mail: presidente@cncafe.com.br

Desenvolvido por Solute